Dá-lhe A Outra Face

E até nada tem a ver com a postura cristã que alega a necessidade de darmos a outra a face se te agredirem numa delas.

É que eu tenho tido muitas faces. Não tão diferentes umas das outras assim, mas diferentes. E vou dando-lhe as faces que vou tendo à medida que penso que as devo dar ou, se calhar, à medida que vou levando um chapadão na face em vigor e ofereço a face não em vigor. Mas afinal que é isto? É ou não o lado cristão da coisa que estou para aqui a escrever?

O lado cristão da coisa tem uma dimensão. O lado católico da mesma tem outra. Mas mesmo assim, não, não sou aquele tipo assim tipo gajo que dá a outra face quando me pregam um estaladão numa delas. Mas tenho tido várias faces. Ou será facetas?

Bom, é sobre as facetas, as faces e as fases das faces e facetas que isto aqui vai tratar. Assim tipo aquele gajo, tás a ver, que precisa de dizer algo para não explodir. Que precisa de dizer mal de algo ou alguém antes de morrer com o próprio veneno. Esse todo.

O tal das multi-faces…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.