A Arte de Bem Cavalgar a Toda a Sela

Aquilo a que os portugas mais se prestam é a retóricas mais ou menos elaboradas para defenderem o seu posto que, ele próprio, já foi conseguido à custa de retóricas mais ou menos elaboradas. Alguns recheiam essas retóricas com poesia, outros com dissertações filosóficas sobre nada e finalmente outros com batata frita e salada mista. Que país de treteiros… E enquanto os portugas se entregam

Sim, Sr Presidente

Sim, somos pequenos mas somos contra a guerra. Sim, somos pequenos mas somos contra o genocídio. Sim, somos pequenos mas somos contra a violação de mulheres desesperadamente em fuga com seus filhos pela mão, as execuções sumárias, a destruição pela destruição. Sim, faremos o que está ao nosso alcance como país de média dimensão europeia e pequena dimensão mundial… Lamentavelmente outros países de grande dimensão

A História Explica

A História é um mero relato, por uma ou várias pessoas, de um conjunto de factos acontecidos na ordem arbitrária em que aconteceram em resultado da actividade da humanidade. A História não explica nada mas pode ser usada como ferramenta de suporte a certas conjecturas sobre a actividade humana, no presente e no passado, ou eventualmente a certas previsões sobre a mesma. Cada país tem

Touradas? Não, obrigado!

Apesar de ter enveredado pelo mundo das engenharias, relembro hoje, alguns dias depois da deputada Cristina Rodrigues ter poposto o fim das touradas em Portugal, que História era uma disciplina que me atraía bastante. Entre muitas histórias que fui avidamente aprendendo, uma ficou-me no cérebro até hoje: os espetáculos crueis levados a efeito pelos romanos nas suas majestosas arenas! Principalmente o atirar cristãos para as

Liberal? C’um Carago…

Porque hoje é 24 de Agosto e porque faz 201 anos que aqui, na dita cidade invicta, se iniciou a Revolução liberal do Porto, que haveria de derrubar a monarquia absolutista que imperava em Portugal, deu-me vontade de divagar sobre o liberalismo, não a corrente política mas a libertinagem a que se prestam muitos transeúntes desta vida e que alguns chicos-espertos desta terra lusa ousam

Cá Estamos, Ipso Facto

Poderíamos não estar, mas estamos, é um facto! Facto, não disse fato, como soem dizer os brasileiros, essa procriação lusitana que resultou das deambulações de um Pedro marinheiro, de sobrenome Alvares Cabral. É um facto que continuamos por cá e continuamos por cá porque nada nos fez deixar de por cá continuar, ipso facto… Os objetivos delineados para a vacinação em Agosto/Setembro foram atingidos e