Cá Estamos, Ipsis Verbis

Um dia destes hesitei entre fechar de vez este blog e, algo mais lírico, dar-lhe uma nova casa no mundo da blogosfera! Afinal esta coisa já tem décadas de existência e, não sendo a idade um posto, seria contraditório deitar simplesmente ao lixo uma vida…

Pegar num blog com tantos anos de existência e fazê-lo mudar de casa é dose! O WordPress é uma plataforma excelente de blogs, concede muitas ferramentas para transferência entre domínios WWW mas mesmo assim é coisa para dar muito trabalho. Muito mesmo… Bom, a coisa ficou mais facilitada com a irritação adquirida pelo meu insucesso em renegociar as condições de fornecimento com o conceituado fornecedor americano de alojamneto Web, Bluehost.com, que suportou durante décadas o meu singelo blog o qual, diga-se em abono da verdade, nem sempre teve este nome “ZB O Blog” ou simplesmente “Zé Barbosa”. De facto, os americanóides desprezaram por completo toda a minha boa argumentação para me manter como cliente, embora a um preço mais adequado, dada a minha longevidade como cliente. Irritou-me tamanha insensibilidade e de imediato comecei a fechar a loja, ZB O Blog ia mudar de casa.

Após tantos anos a blogar para ninguém[1] achei por bem, e finalmente, ter um domínio com o mesmo nome do blog que há vários anos é “Zé Barbosa” ou similar. Para além disso, ocorreu-me que poderia também experimentar pela primeir vez um fornecedor português. Amazing! Eu, velho pró-américas nesta coisada da tecnologia cibernética, iria agora lidar com tugas. Não hesitei e pimba, aqui está o mesmo ZB O Blog em território tuga: “zebarbosa.pt”. Fresquinho, fresquinho, tanto que ainda não consegui resolver algumas trapalhadas que sempre resultam numa mudança de casa. Mas, sem stress, claro! Para quê? Os meus dois ou três leitores aguentam bem os bugs e vão fazê-lo com um smile no rosto. Ora pois, leitor meu é coisa fina e de fidelidade indestrutível pelo que não serão “uns uis e uns ais” informáticos que os demoverão de tão aprazível leitura que eu providencio…

Et voilá, uma plataforma americana (WordPress) sobre um domínio tuga (.pt), nas mãos de um tuga de gema (moi même) caraterizado, não obstante, por algum pró-americanismo. É que eu sou very much addicted a estas coisas da net e computadores que, sabemos todos isso, são invenções americanas, na pessoa de um homem que eu admiro desde sempre: Bill Gates.

Que os deuses me agraciem com a sua infinita misericórdia. Amém…

  1. Os meus dedos da mão chegam e sobram para contar os meus leitores…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.